Pesquisa e Extensão


A Coordenação de Pesquisa e Extensão é a responsável, dentro do Centro Universitário Nobre (UNIFAN), pela organização, monitoramento e gerenciamento das atividades de pesquisa, proporcionando apoio ao desenvolvimento das mesmas e mantendo comunicação com toda comunidade acadêmica que desenvolva, ou queria desenvolver atividades de pesquisa.


As pesquisas possuem um papel fundamental no processo educativo para a investigação e empreendedorismo, visando à inovação e à solução de problemas científicos e tecnológicos, envolvendo todos os níveis e modalidades de ensino, com vistas ao desenvolvimento social, nas áreas da Saúde, das Ciências Sociais e Humanas. A Coordenação de Pesquisa e Extensão da UNIFAN desempenha atividades como, incentivo à pesquisa científica, envolvendo docentes e discentes, divulgação de editais de fomento à pesquisa, divulgação da produção científica da instituição, articulando ensino, pesquisa, extensão e inovação e fomenta a publicação científica.


Atualmente contamos com ligas e grupos de pesquisa em todas as áreas do conhecimento, produzindo conteúdos científicos e promovendo impacto social. Existem quatro linhas de pesquisa, sendo elas:


• Direito, Meio Ambiente e Sociedade – Esta linha de pesquisa tem como justificativa a importância do Direito e seu impacto sobre a Sociedade, sendo necessária a sua abordagem acadêmica, partindo da ideia de que é preciso ter domínio sobre os instrumentos da Ciência Jurídica e sua repercussão científica e social;


• Educação, Planejamento e Gestão – O objetivo dessa linha é desenvolver estudos em políticas sociais e multidisciplinares. Envolve o planejamento, a execução e a avaliação em todos os níveis de atenção;


• Gestão do Sistema de Infraestrutura – Esta linha aborda a gestão de diversos tipos de sistemas de infraestrutura nas diversas vertentes da Engenharia. Tem objetivo de investigar tópicos referentes ao uso, manutenção e operação da infraestrutura, procedimentos de inspeção e monitoramento, e técnicas para reparo e recuperação, contribuindo para melhoria social;


• Intervenções, Motricidade Humana e Tecnologias em Saúde – Tem como objetivo estimular a criação de novos métodos de intervenção, novas tecnologias e a validação das técnicas existentes na área de saúde. Na abordagem de qualidade, são consideradas as dimensões de eficácia, efetividade, eficiência, acesso, continuidade, segurança, equidade e adequação.